Busca avançada Busca avançada
   frete  FRETE GRÁTIS (via Total Express) nas compras acima de R$ 199,00. (Valor Liquído)          Parcele em até 8x (parc. mín. de R$ 45)                  SAC: (11) 5080-0751 seg. a sex. das 8h às 18h.
   frete  FRETE GRÁTIS (via Total Express) nas compras acima de R$ 199,00. (Valor Liquído)                  Parcele em até 8x (parc. mín. de R$ 45)                  SAC: (11) 5080-0751 seg. a sex. das 8h às 18h.
   frete  FRETE GRÁTIS (via Total Express) nas compras acima de R$ 199,00. (Valor Liquído)                  Parcele em até 8x (parc. mín. de R$ 45)                  SAC: (11) 5080-0751 seg. a sex. das 8h às 18h.
   frete  FRETE GRÁTIS (via Total Express) nas compras acima de R$ 199,00. (Valor Liquído)                  Parcele em até 8x (parc. mín. de R$ 45)                  SAC: (11) 5080-0751 seg. a sex. das 8h às 18h.
   frete  FRETE GRÁTIS (via Total Express) nas compras acima de R$ 199,00. (Valor Liquído)                  Parcele em até 8x (parc. mín. de R$ 45)                  SAC: (11) 5080-0751 seg. a sex. das 8h às 18h.
   frete  FRETE GRÁTIS (via Total Express) nas compras acima de R$ 199,00. (Valor Liquído)                  Parcele em até 8x (parc. mín. de R$ 45)        SAC: (11) 5080-0751 seg. a sex. das 8h às 18h.
   frete  FRETE GRÁTIS (via Total Express) nas compras acima de R$ 199,00. (Valor Liquído)                  Parcele em até 8x (parc. mín. de R$ 45)                  SAC: (11) 5080-0751 seg. a sex. das 8h às 18h.

A Firma, o Mercado e o Direito

Autor: Ronald H. Coase

ISBN: 9788530976736
Publicação: 02/08/2017
Edição: 2|2017
Formato: 14 X 21
Páginas: 282
Acabamento da capa: Brochura
Peso: 0,34kg
Selo Editorial: Forense universitária
R$80,00

“Para os juristas, a possibilidade de compreender a firma e o mercado representa, sem dúvida, a oportunidade de se aventurar por uma área promissora do conhecimento. Em meio ao legado de Coase para a teoria jurídica empresarial, é importante que o jurista brasileiro tenha noção da atividade econômica e da necessidade de harmonização dos interesses das partes (o que, no mais das vezes, ocorre por meio do contrato).

No que toca ao Direito, é sabido que a atividade empresária deixou de depender apenas de ciclos naturais (à exceção do agronegócio) para, em uma perspectiva socioeconômica, reclamar a segurança e a estabilidade das relações jurídicas necessárias à produção e à circulação de bens e serviços.”

(Do Estudo Introdutório, de Antonio Carlos Ferreira e Patrícia Cândido Alves Ferreira)

Compartilhe:

Sinopse

Detalhes

“Para os juristas, a possibilidade de compreender a firma e o mercado representa, sem dúvida, a oportunidade de se aventurar por uma área promissora do conhecimento. Em meio ao legado de Coase para a teoria jurídica empresarial, é importante que o jurista brasileiro tenha noção da atividade econômica e da necessidade de harmonização dos interesses das partes (o que, no mais das vezes, ocorre por meio do contrato).

No que toca ao Direito, é sabido que a atividade empresária deixou de depender apenas de ciclos naturais (à exceção do agronegócio) para, em uma perspectiva socioeconômica, reclamar a segurança e a estabilidade das relações jurídicas necessárias à produção e à circulação de bens e serviços.”

(Do Estudo Introdutório, de Antonio Carlos Ferreira e Patrícia Cândido Alves Ferreira)

Sumário

Nota à segunda edição 

Apresentação 

Estudo introdutório 

Prefácio 

Um – A FIRMA, O MERCADO E O DIREITO 

I. Objetivo do livro 

II. A firma 

III. O mercado 

IV. O problema do custo social 

V. Precificação com base no custo marginal 

VI. A tradição pigouviana e a moderna análise econômica 

VII. O caminho à frente  

Dois – A NATUREZA DA FIRMA 

Três – ORGANIZAÇÃO INDUSTRIAL: UMA PROPOSTA DE PESQUISA  

Quatro – A CONTROVÉRSIA DO CUSTO MARGINAL  

I. O estado do debate 

II. Isolamento do problema . 

III. O que é precificação ótima? 

IV. O argumento em favor da precificação multiparte 

V. Comparação da precificação multiparte com a solução de Hotelling-Lerner 

VI. Precificação pelo custo médio comparada à solução de Hotelling-Lerner 

VII. Os problemas que restam 

Cinco – O PROBLEMA DO CUSTO SOCIAL 

I. O problema a ser examinado 

II. A natureza recíproca do problema 

III. O sistema de precificação com responsabilização pelos prejuízos 

IV. O sistema de determinação de preços sem responsabilidade pelos prejuízos

V. O problema ilustrado de uma nova maneira 

VI. Levando em conta o custo das transações de mercado 

VII. A delimitação jurídica dos direitos e o problema econômico 

VIII. A abordagem de Pigou em The Economics of Welfare 

IX. A tradição pigouviana 

X. Uma mudança de abordagem 

Seis – NOTAS SOBRE O PROBLEMA DO CUSTO SOCIAL 

I. O Teorema de Coase 

II. A riqueza será maximizada? 

III. O Teorema de Coase e as rendas  

IV. A atribuição de direitos e a distribuição de riqueza 

V. A influência dos custos de transação 

VI. Tributos pigouvianos 

 Nobel, em 1991.

Autoria

RONALD HARRY COASE (Londres, 29.12.1910 – Chicago, 02.09.2013) – Bacharel pela London School of Economics. Assistant Lecturer na Dundee School of Economics and Commerce. Professor na Universidade de Liverpool. Assistant Lecturer na London School of Economics. Assessor no Gabinete de Guerra do Reino Unido durante a II Guerra Mundial. Representante do Escritório Central de Estatísticas junto ao Governo norte-americano. Professor na Universidade de Buffalo. Pesquisador no Center for Advanced Studies in Behavioral Sciences, vinculado à Universidade de Stanford. Professor na Universidade da Virgínia. Reader na London School of Economics. Professor Catedrático na Universidade de Chicago. Pesquisador Sênior da Hoover Institution, na Stanford University. Doutor honoris causa por diversas instituições, como as Universidades de Yale, Colônia, Washington, Dundee e Paris. Editor do Journal of Law and Economics. Laureado com o Prêmio de Ciências Econômicas em Memória de AlfredNota à segunda edição 

Outras versões disponíveis

Você selecionou o formato Livro Impresso.

Frete