Livro Impresso

RELAÇÕES INTERNACIONAIS: Introdução ao Estudo da Sociedade Internacional Global

  • ISBN:

    9788522458844

  • Edição: 1|2010
  • Editora: Atlas

Reinaldo Dias

Indisponível Temporariamente

Sem Estoque
SKU
4210127
ou em até 4x de R$ 20,20
O livro aborda as questões fundamentais em relações internacionais, tendo como referência os três níveis possíveis de análise em que se articula a realidade política internacional: o sistema internacional, a unidade estatal e os diferentes grupos soc
  • Formato: Impresso
  • Páginas: 240
  • Publicação: 20/04/2010
  • Capa: Brochura
  • Peso: 0,47 kg
  • Dimensões: 17 X 24
O livro aborda as questões fundamentais em relações internacionais, tendo como referência os três níveis possíveis de análise em que se articula a realidade política internacional: o sistema internacional, a unidade estatal e os diferentes grupos sociais no interior do Estado-nação. Desse modo, se propõe a estudar os principais debates e problemas das relações internacionais, como as causas e conseqüências da guerra, a manutenção da paz, a construção da ordem internacional, as mudanças globais, a cooperação internacional, a globalização e a participação de diferentes atores na agenda política mundial.

Relacionados com as grandes tradições teóricas das relações internacionais - a hobbesiana, a kantiana e a grociana - são tratados alguns dos mais importantes paradigmas dessa disciplina, como o realismo, idealismo e a escola inglesa, com o objetivo de fornecer as ferramentas teóricas necessárias para que o leitor consiga analisar de forma crítica como incidem determinados fatores, como o poder, a segurança, o interesse nacional entre outros no comportamento dos diversos atores do sistema internacional.

Os 18 capítulos da obra estão distribuídos em quatro partes. A Parte I discute o surgimento e a consolidação da disciplina Relações Internacionais, o seu objeto de estudo, as grandes teorias e os principais paradigmas, além de caracterizar a atual sociedade internacional. A Parte II traça uma evolução histórica do Sistema Internacional, especifica os seus atores, sua estrutura e conceitua a ordem e a segurança internacional.

A Parte III estuda a política exterior dos Estados, sua diplomacia, a cooperação e o conflito no sistema internacional, enquanto a Parte IV apresenta a sociedade internacional global (1945-2008). Destaca o papel da ONU, a guerra fria, a erosão no sistema internacional durante a guerra fria, sua transformação ao longo do período, a formação do sistema econômico internacional pós-segunda guerra. Destaca ainda os blocos econômicos regionais no contexto da globalização, uma caracterização do Mercosul e se encerra buscando identificar os traços do novo sistema internacional que se forma pós-guerra fria.

Livro-texto para ser utilizado em várias disciplinas do curso de Relações Internacionais. Leitura complementar para os cursos de Administração, Direito e Comunicação Social. Como bibliografia básica pode ser adotado nos cursos de pós-graduação de Relações Internacionais, Direito e Administração. Como tem uma função didática explícita
Apresentação, xi

Parte I - Teoria e Conceitos, 1
1 As Relações Internacionais como Área de Estudo, 3
1.1 A disciplina relações internacionais, 4
1.2 A questão central nas relações internacionais: cooperação e conflito, 5
1.3 Origem e desenvolvimento das relações internacionais, 7
1.4 O objeto de estudo das relações internacionais, 9

2 As Grandes Tradições Teóricas nas Relações Internacionais, 14
2.1 As grandes tradições do pensamento nas relações internacionais, 14
2.2 A tradição hobbesiana: a anarquia ou estado de natureza, 15
2.3 A tradição kantiana: emancipação ou comunidade mundial, 17
2.4 A tradição grociana: ordem ou sociedade de Estados, 18

3 Os Principais Paradigmas nas Relações Internacionais, 20
3.1 O idealismo e a sua imagem de mundo, 20
3.2 A perspectiva do realismo político, a realpolitik, 25
3.3 A escola inglesa, 30
3.4 A concepção marxista, 31

4 A Atual Sociedade Internacional, 33
4.1 O conceito de sociedade internacional, 34
4.2 Características principais da sociedade internacional, 37
4.3 A origem da sociedade internacional atual, 38
4.4 Alguns problemas da atual sociedade internacional, 40

Parte II - O Sistema Internacional, 43
5 Evolução Histórica do Sistema Internacional, 45
5.1 O conceito de sistema internacional, 45
5.2 O sistema internacional como instrumento analítico, 47
5.3 O Sistema Clássico Internacional de 1648 a 1789. O Modelo de Westfália, 48
5.4 O Sistema Internacional de Transição (1789-1945). Os Modelos de Viena e Versalhes, 49
5.5 O sistema internacional posterior à Segunda Guerra Mundial (1945-1989), 55
5.6 O sistema internacional contemporâneo: o pós-guerra fria, 58

6 Atores do Sistema Internacional, 60
6.1 A concepção de ator internacional, 60
6.2 Definição de ator internacional, 62
6.3 Tipologia clássica e os novos atores, 62
6.4 Os Estados, 62
6.5 As Organizações Internacionais intergovernamentais (OIs), 63
6.6 Organizações Internacionais Não Governamentais (ONGs), 67
6.7 Empresas Transnacionais (ETNs), 69
6.8 Indivíduos, 69
6.9 Organizações Internacionais de Partidos Políticos (OIPs), 70
6.10 Organizações Sindicais Transnacionais, 72
6.11 Organizações religiosas, 73
6.12 Opinião pública e meios de comunicação, 75

7 A Estrutura do Sistema Internacional, 77
7.1 Importância e significado do poder, 77
7.2 O poder e a estrutura internacional, 79
7.3 O conceito de potência internacional, 84
7.4 O conceito de governança global, 86
7.5 Ideia de governabilidade gl


Reinaldo Dias

Sociólogo, mestre em Ciência Política e doutor em Ciências Sociais pela Unicamp

Especialista em Ciências Ambientais pela USF

Professor da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM) e do mestrado em Turismo e Meio Ambiente do Centro Universitário UNA/MG

Foi professor e coordenador de cursos em várias instituições de ensino, entre as quais Universidade Paulista (Unip

Campinas), Centro Universitário UNA/MG e Universidade São Francisco (USF)

Autor de vários livros nas áreas de metodologia da pesquisa, sociologia, administração e turismo

Professor de Ciências Sociais e Aplicadas (CCSA) da Universidade Presbiteriana Mackenzie