• Entrega Imediata
  • Frete Grátis

Livro Impresso

A Ordem das Coisas - Pensar a Pós-Modernidade

  • ISBN:

    9788530966058

  • Edição: 1|2016
  • Editora: Forense Universitária

MICHEL MAFFESOLI

De: R$ 110,00 Por: R$ 55,00
In stock
SKU
1214635
ou em até 1x de R$ 55,00
< >
Contra o racionalismo dessueto, o economicismo triunfante, o progressismo encantatório e a inautenticidade de suas fórmulas vazias, Michel Maffesoli canta a infinita ternura do mundo e nos lembra que o sentimento trágico da vida concorda com a Ordem da...
  • Formato: Impresso
  • Nº de Páginas: 276
  • Publicação: 07/06/2016
  • Capa: Brochura
  • Peso: 0,34 Kg
  • Dimensões: 14 x 21

Contra o racionalismo dessueto, o economicismo triunfante, o progressismo encantatório e a inautenticidade de suas fórmulas vazias, Michel Maffesoli canta a infinita ternura do mundo e nos lembra que o sentimento trágico da vida concorda com a Ordem das coisas. 

Neste novo ensaio, o teórico da pós-modernidade percorre com alegria o pensamento sociológico, perscruta as vibrações do viver-junto e insiste na oposição entre a potência horizontal secretada pela sabedoria popular e a rigidez do poder vertical, vinda de Deus ou das ideologias monoteístas.


INTRODUÇÃO

CAPÍTULO I: Do saber ao conhecimento

O desvelamento adogmático

 “Magister Dunkelhut”

O pensamento pluriforme

CAPÍTULO II: O pensamento como eco

A saga mítica

A saga mística

Uma sociologia original

CAPÍTULO III: O pensamento tradicional

A vida efetiva

A lei da reversão

CAPÍTULO IV: Saber (savoir = ça-voir/isto ver)

O como: é assim

A superfície das coisas

Da forma à imagem

CAPÍTULO V: Realidade-Real

O Pandemônio do Real

A força do nada

CAPÍTULO VI: Um saber comunitário

Da distinção à conjunção

Um conhecimento relativista

CAPÍTULO VII: Socialidade presenteísta

CAPÍTULO VIII: O pensar apaixonado

O dionisismo epistemológico

A obstinação “teológica”

Libido sciendi

ABERTURA

 

Michel Maffesoli é professor de Sociologia na Sorbonne, diretor do Centro de Estudos sobre o Atual e o Cotidiano (Paris V) e diretor do Centro de Pesquisas sobre o Imaginário (M.S.H.). O Autor é bastante conhecido no Brasil por uma série de obras já traduzidas em português, que representam um marco na sociologia contemporânea, sobretudo pelo vigor e ousadia do pensamento

Tradutor: Abner Chiquieri 

Revisor Técnico: Teresa Dias Carneiro