• Entrega Imediata
  • Frete Grátis

Livro Impresso

Filosofia do Odor

  • ISBN:

    9788530935658

  • Edição: 1|2014
  • Editora: Forense Universitária

CHANTAL JAQUET

De: R$ 143,00 Por: R$ 114,40
In stock
SKU
2811014
ou em até 5x de R$ 22,88
< >
Este livro elabora uma reflexão muito original no plano estético. Ele funda uma estética olfativa que vai buscar seus elementos nas obras de Balzac, Baudelaire e Proust, assim como na pintura de Gauguin e na escultura de Rodin. A música de Debussy surge t

Conteúdo relacionado

  • Formato: Impresso
  • Páginas: 368
  • Publicação: 31/07/2014
  • Capa: Brochura
  • Peso: 0,54 kg
  • Dimensões: 16 X 23

Este livro elabora uma reflexão muito original no plano estético. Ele funda uma estética olfativa que vai buscar seus elementos nas obras de Balzac, Baudelaire e Proust, assim como na pintura de Gauguin e na escultura de Rodin. A música de Debussy surge também como um universo em que os odores e perfumes adquirem um lugar especial, o espaço e o tempo de uma música dos odores. 

INTRODUÇÃO

A anosmia dos filósofos

Primeira Parte

A SENSIBILIDADE OLFATIVA

Capítulo I – NATUREZA E PRECONCEITOS

UM SENTIDO FRACO OU ENFRAQUECIDO?

UM SENTIDO PRIMITIVO E BESTIAL?

UM SENTIDO INCÔMODO OU INSOCIÁVEL?

UM SENTIDO SUJO E IMORAL?

UM SENTIDO SUBJETIVO E MUITO ENGANADOR?

Capítulo II – O UM E O OUTRO APROXIMADAMENTE

PERFUMES DE ALTERIDADE

PERFUME DE IDENTIDADE

Segunda Parte

ESTÉTICA OLFATIVA

Capítulo III – AS EXPRESSÕES ARTÍSTICAS DO ODOR

O OLFATO, UM SENTIDO MUDO?

AS EXPRESSÕES LITERÁRIAS DO ODOR

O UNIVERSO OLFATIVO DE MARCEL PROUST

AS EXPRESSÕES MUSICAIS E PLÁSTICAS DO ODOR

PINTURA E PERFUME

ESCULTURA E PERFUMES

RUMO A UMA ARQUITETURA OLFATIVA

Capítulo IV – A ARTE OLFATIVA

A ARTE DO PERFUME E SEU ESTATUTO ESTÉTICO

UM MODELO FILOSÓFICO DE ARTE OLFATIVA: O PURO PRAZER DOS ODORES EM PLATÃO

UM MODELO LITERÁRIO IMAGINÁRIO: DES ESSEINTES E A ARTE OLFATIVA

UM MODELO HISTÓRICO REAL: O KÔDÔ OU A VIA DAS FRAGRÂNCIAS DO JAPÃO

O NASCIMENTO DE UMA ARTE OLFATIVA CONTEMPORÂNEA

Terceira Parte

FILOSOFIAS OLFATIVAS

Capítulo V – DA ANOSMIA À PANOSMIA – AS CONDIÇÕES DE POSSIBILIDADE DE UMA FILOSOFIA DO LFATO

UM OLFATO FILÓSOFO?

O SILÊNCIO OLFATIVO DE PARMÊNIDES E ANAXÁGORAS

DEMÓCRITO E O EFLÚVIO DE ODOR

HERÁCLITO OU A RESPIRAÇÃO DA RAZÃO

A PANOSMIA DE EMPÉDOCLES

Capítulo VI – OS MODELOS FILOSÓFICOS OLFATIVOS

LUCRÉCIO OU A SAGACIDADE

O ESPÍRITO QUE NOS CHEGA PELO NARIZ: CONDILLAC E A ESTÁTUA

NIETZSCHE OU O NARIZ FILÓSOFO

BIBLIOGRAFIA


Chantal Jaquet - É professora de filosofia na Universidade de Paris I – Panthéon-Sorbonne e dedica suas pesquisas à história da filosofia moderna, sobretudo a Espinosa, e à filosofia do corpo.