• Entrega Imediata
  • Frete Grátis

Livro Impresso

A Análise do Comportamento

  • ISBN:

    9788512630700

  • Edição: 1|1992
  • Editora: E.P.U.

Holland, J.G. e Skinner, B.F.

De: R$ 185,00 Por: R$ 148,00
In stock
SKU
210508
ou em até 3x de R$ 49,33
< >
A Análise do Comportamento difundiu, nos anos 1960, a teoria da máquina de ensinar, ou ensino programado, como nenhuma outra obra. Proposto como um exemplo prático dessa técnica, este livro exemplifica a estrutura de sequências de passos que se realiza...

Conteúdo relacionado

  • Formato: Impresso
  • Páginas: 368
  • Publicação: 01/06/1992
  • Capa: Brochura
  • Peso: 0,43 kg
  • Dimensões: 14 X 21

A Análise do Comportamento difundiu, nos anos 1960, a teoria da máquina de ensinar, ou ensino programado, como nenhuma outra obra. Proposto como um exemplo prático dessa técnica, este livro exemplifica a estrutura de sequências de passos que se realiza pelo estudo individual autocontrolado.
Inovador, controverso e digno de polêmicas envolvendo nomes como Noam Chomsky, A Análise do Comportamento é leitura obrigatória para aqueles interessados na psicologia comportamental e na análise experimental do comportamento humano, temas apresentados de forma inigualável nesta obra que é também uma ousada experiência científica.

PARTE I COMPORTAMENTO REFLEXO
Reflexos simples
Reflexos condicionados
Reflexos condicionados (continuação)
Experimentos de Pavlov
Reflexos condicionados (continuação)
Mecanismos de resposta

PARTE II CONDICIONAMENTO OPERANTE: CONCEITOS ELEMENTARES
Introdução ao condicionamento operante
A situação experimental típica
Reforço positivo e negativo
Aplicação dos conceitos básicos
Reforço condicionado

PARTE III CONDICIONAMENTO OPERANTE: CONTINGÊNCIAS EXATAS
O registro acumulado
Fatores que afetam a velocidade do condicionamento
Contingências acidentais e comportamento supersticioso

PARTE IV MODELAGEM
Princípios da modelagem de novos comportamentos
Aplicações dos princípios da modelagem
Revisão. Verificação das Partes I a IV

PARTE V REFORÇO INTERMITENTE
Definição de esquemas; esquemas de intervalo fixo
Esquemas de intervalo variável, razão fixa e razão variável
Esquemas de reforço: sumário e revisão

PARTE VI CONTROLE DE ESTÍMULOS
Discriminação de estímulos
Generalização de estímulos
Encadeamento
Modelagem de repertórios contínuos
Repertórios contínuos e discretos

PARTE VII PRIVAÇÃO
Conceitos básicos
Reforçadores generalizados
Ciclos alimentares
Revisão. Verificação das Partes V a VII

PARTE VIII EMOÇÃO I
Síndrome de ativação
Predisposições na emoção

PARTE IX COMPORTAMENTO DE ESQUIVA E FUGA
Conceitos básicos
Análise de exemplos de esquiva e fuga
Experimentos de esquiva

PARTE X EMOÇÃO II
Experimentos de ansiedade
As emoções como condições aversivas e reforçadoras

PARTE XI PUNIÇÃO
Conceitos básicos
Efeitos da punição durante a extinção de comportamentos reforçados
Outros efeitos da punição. Funções do estímulo aversivo
Efeitos da punição contínua
Revisão. Verificação das Partes VIII a XI

PARTE XII ANÁLISE CIENTÍFICA E INTERPRETAÇÃO DE CASOS COMPLEXOS
Objetivos e técnicas da ciência
Múltiplos efeitos
Múltiplas causas e respostas conflituais
Um problema de engenharia do comportamento

PARTE XIII AUTOCONTROLE
Análise do comportamento voluntário e involuntário
Técnicas de autocontrole

PARTE XIV INTERPRETAÇÃO DA PERSONALIDADE
Autoconhecimento inadequado
Racionalização
Vício de drogas
Agressividade, formação de “reação” e retraimento
Psicoterapia
Revisão. Verificação das Partes XII a XIV

B. F. Skinner (1904-1990) estudou Psicologia na Harvard University. Ao longo de sua trajetória acadêmica desenvolveu diversas experiências e aparatos relacionados à psicologia comportamental. Atuou como professor e foi diretor do Departamento de Psicologia da Indiana University. Também foi professor na Harvard University, onde desenvolveu seus experimentos mais notórios. Sua obra se inclui no Behaviorismo americano.

G. Holland é doutor em Psicologia pela University of Virginia e professor emérito do Departamento de Psicologia da University of Pittsburgh. Foi contratado por Skinner, por meio de uma bolsa, para trabalhar em Harvard nas técnicas que fundamentam esta obra.